21 de mai de 2010

Friends: JDrama + KDrama sempre funciona

Para não perder o embalo, depois de um bom tempo sem assistir a nenhum drama oriental comecei a ver este aí, Friends, num fim de domingo. Tolinha que sou, comecei uma segunda-feira sonâmbula, porque vi os quatro episódios de uma hora em seguida, sem pausa, pela madrugada. Essa sou eu...

Sinal de que a série é boa e, o melhor, curta. Trata-se de uma produção em conjunto de coreanos e japoneses, com um romance entre um casal de nacionalidades diferentes. Foi ao ar em 2002 e mostra bem aquele começo de troca de emails com cenas e telas de computador que já parecem super antigonas, com emoticons e trocentos gifs animados. Bem legal a forma como evidenciam as diferenças culturais e os preconceitos entre os dois países. Coisa que muita gente aqui no ocidente nem sonha que rola por lá por conta dessa idéia de que "olho puxado é tudo igual".


A maratona de quatro horas compensou, pois o final é bem legal. Mais uma vez devo reconhecer minha preferência pelos coreanos: atuações, diálogos (até onde a tradução me permite perceber), aparência, etc, etc, etc. Principalmente as atuações chamam a atenção. O japão tem bons atores, mas os mais novos geralmente deixam a desejar, caricatos e forçados. Felizmente não foi o caso desta atriz.

Uma curiosidade: atriz que faz a Soh Suh No, em Jumong, aparece bem novinha nesta série. Enfim, valeu cada segundo e o sono do dia seguinte. Totalmente recomendado (principalmente em doses moderadas, o que nunca consigo fazer).


Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails